Contra o Desperdício de Alimentos

Enquanto milhões passam fome, toneladas de alimentos são jogados fora

O que dá para fazer com o luxo que ia para o lixo

Não jogue fora os talos, as folhas e as cascas das frutas, legumes e verduras.

Confira as receitas e dicas que combatem o desperdício, além de deixar as suas refeições mais saborosas, nutritivas e econômicas

DICAS

Prefira orgânicos. Esse tipo de produto alia agricultura com tecnologias atuais a tradicionais na busca por eficiência produtiva e preservação ambiental. Além disso, por ser praticada por pequenos produtores, ajuda a diminuir o êxodo rural, o que desacelera a formação de bolsões de pobreza –e fome nas periferias das cidades.

Dê preferência aos ingredientes de sua região, que precisam viajar menos para chegar até sua mesa. Além de garantir alimentos mais frescos, você vai continuar para a diminuição da queima de combustíveis fósseis, que permitem os gases do efeito estufa (entre eles o CO2), causadores do aquecimento global.

Informe-se sobre as empresas que produzem os alimentos que você costuma comprar. Acione os serviços de atendimento ao cliente ou procure por ONGs empenhadas em evitar o desperdício, como Banco de Alimentos (www.bancodealimentos.org.br), que estabelecem parcerias para dar utilidades às sobras Industriais.

Na hora de comprar frutas, verduras e legumes, escolha apenas com os olhos. Tocar os alimentos tende a reduzir sua vida útil. Seguindo o mesmo raciocínio, não se importe em comprar vegetais ainda sujos de terra: por terem sido menos manipulados , eles provavelmente vão durar mais tempo na sua fruteira.

Se não for comer, não compre. Além disso, folhas, talos e cascas não precisam ir para o lixo. Há varias receitas que permitem aproveita-los – já experimentou casca de batata frita? Outra dica: antes de guardar verduras e legumes, mergulhe em água fervente, depois em água gelada – eles vão durar mais tempo.

Quando não tiver como aproveitar os alimentos nas refeições, procure dar a eles um destino melhor do que o lixão de sua cidade. Por meio da técnica da compostagem, por exemplo, é possível transformar, em casa, com higiene, lixo orgânico em um ótimo adubo.

Uma grande receita para combater o desperdício, é aproveitar o alimento em sua plenitude, não desperdiçando, por exemplo, cascas e talos, quando eles podem ser utilizados em outros pratos.

Apetite
Antes de ir às compras, alimente-se bem. O consumidor com fome costuma comprar produtos em excesso e pouco ou nada nutritivos, apesar de apetitosos.

Granel
Prefira os alimentos in natura vendidos a granel aos alimentos já embalados. Não leve em conta o aspecto de limpeza dos legumes. O processo de higiene pode encurtar a vida do alimento. No Brasil, a economia de embalagens desnecessárias acumuladas durante um mês gera petróleo suficiente para um carro rodar quase dez quilômetros.

Proporção
Adquira porções adequadas ao tamanho de sua família. Em vez de compras mensais, elabore uma lista com o que vai consumir na semana, optando por repor os produtos conforme vão acabando. Isso evita desperdício e exige a reposição constante, garantindo alimentos frescos na casa.

Safra
Dê preferência a produtos de safra -são mais baratos e de melhor qualidade- e aos típicos de sua região -incentiva a produção local.

Água nas folhas
Evite comprar verduras molhadas. É comum o comerciante borrifar água, mas isso pode agilizar o processo de apodrecimento.

Promoções
Ao encarar ofertas como “leve quatro, pague três”, confira a data de validade do produto para ter certeza de que vai consumir tudo no prazo. São comuns promoções feitas com alimentos cuja validade está quase prescrevendo.

Tabela nutricional
Compare a composição do mesmo produto de marcas diferentes: um pode ser mais saudável do que o outro.

ARTIGOS

Fome e Desperdício de Alimentos – Milhares de pessoas no mundo todo passam fome, entretanto, o desperdício de alimentos acontece desde sua produção até na nossa cozinha, demonstrando a necessidade de se rever conceitos e atitudes em relação a esta situação

11 dicas para minimizar o desperdício de alimentos dentro de casa

O que se perde no lixo falta na mesa – Apesar dos avanços tecnológicos e do aumento da área cultivada, que levaram a produção agrícola a níveis nunca antes alcançados, em torno de 800 milhões de pessoas no mundo – um a cada nove terráqueos – ainda passam fome

A história do Reffetorio de Massimo Bottura em Milão chega à Netflix – O documentário de Peter Svatek mostra o início do Reffetorio Ambrosiano, restaurante aberto na periferia de Milão para fazer chefs-celebridade cozinharem para pessoas carentes e com as sobras de alimento http://paladar.estadao.com.br/noticias/comida,a-historia-do-reffetorio-de-massimo-bottura-em-milao-chega-a-netflix,70001906302

Como escolher melhor os alimentos que você come

12 receitas com cascas, talos, folhas e sementes – Aprenda a fazer pratos deliciosos, saudáveis e econômicos

Aproveite até a casca!

VÍDEOS

Amor de Cozinha – Regina Tchelly coloca o “pé” na estrada para descobrir e incentivar novas experiências com a comida do cotidiano. Regina revela as melhores opções para uma alimentação saudável e consciente e para o aproveitamento total dos alimentos.

Projeto Fruta Feia reaproveita frutos que seriam descartados

Chefes de cozinha famosos criam restaurante popular que transforma alimentos que iam para o lixo em deliciosas refeições

CSA – Comunidade que Sustenta a Agricultura

Fruta imperfeita – Negócio social trabalha com frutas e legumes que não atendem ao padrão estético

Tabela registra nutrientes de quase 2 mil alimentos

Regina Tchelly é referência no aproveitamento total dos alimentos

Saiba o que são as PANCs, as plantas alimentícias não convencionais
Conheça folhas, flores e frutas que podem servir de refeição.
http://g1.globo.com/como-sera/noticia/2018/02/plantas-alimenticias-nao-convencionais.html

Globo Repórter – Edição do dia 30/03/2018
PANCs- Plantas Alimentícias Não Convencionais

Semente da vitória-régia pode virar pipoca ainda mais crocante que milho
Quase toda estrutura da planta pode ser comestível, como o talo e a flor. Ela faz parte do grupo das Pancs, as plantas alimentícias não convencionais
http://g1.globo.com/globo-reporter/noticia/2018/03/semente-da-vitoria-regia-pode-virar-pipoca-ainda-mais-crocante-que-milho.html

Pancs podem nascer até no meio do concreto das grandes cidades
Nos lugares mais improváveis surgem plantas que muitas vezes são comestíveis. Uma delas é a buva, um tempero ardido, rico em ferro e minerais
http://g1.globo.com/globo-reporter/noticia/2018/03/pancs-podem-nascer-ate-no-meio-do-concreto-das-grandes-cidades.html

Chefs levam a diversidade das Pancs para os menus dos restaurantes
Negócios em SE começaram a acontecer depois que estudante de gastronomia criou um projeto que valoriza ingredientes típicos do Sertão
http://g1.globo.com/globo-reporter/noticia/2018/03/chefs-levam-diversidade-das-pancs-para-os-menus-dos-restaurantes.html

Agricultores do Cerrado plantam diversidade para resgatar o passado.
As plantas e as florestas dia a dia estão desaparecendo. E esses profissionais estão trabalhando para garantir sobrevivência da região no futuro
http://g1.globo.com/globo-reporter/noticia/2018/03/agricultores-do-cerrado-plantam-diversidade-para-resgatar-o-passado.html

Como faz: aproveitamento integral dos alimentos
Você sabia que pode estar perdendo a parte mais nutriente dos alimentos?
https://g1.globo.com/como-sera/noticia/2018/10/27/como-faz-aproveitamento-integral-dos-alimentos.ghtml

APPS

Comida Invisível – Por um mundo sem desperdício – O aplicativo conecta quem tem comida sobrando com quem precisa dela de maneira fácil e prática

Satisfeito  Previne o desperdício e combate a fome

LINKS

Saiba como evitar o desperdício de alimentos – Dicas e receita
Coordenadoria de Desenvolvimento de Agronegócios (Codeagro) -Traz dicas e receitas com partes de verduras e vegetais que costumam ir para o lixo

Diga não ao desperdício de Alimentos – Varias receitas
http://www.codeagro.agricultura.sp.gov.br/arquivos/cesans/Diga_nao_ao_desperdicio_Pancs.pdf

https://issuu.com/codeagro/docs/diga_n__o_ao_desperd__cio_pancs

Favela Orgânica  – Aborda conceitos como consumo consciente, gastronomia alternativa, compostagem caseira e pequenas hortas
http://favelaorganica.com.br/pt

OutraCozinha – Compartilha ideias que envolvem o cuidado com a gente e com o mundo, como cozinha com PANCs e outras tentativas de valorização de ingredientes locais, jardins comestíveis,etc
https://outracozinha.com.br

Sabores da horta: Agricultura Urbana e Periurbana
https://issuu.com/codeagro/docs/saboresdahorta_agriculturaurbanaepe

Sem Desperdício – É uma iniciativa que nasceu para ampliar a consciência dos consumidores brasileiros sobre o desperdício de alimentos e gerar um impacto positivo na mudança de hábitos de consumo alimentar
https://www.semdesperdicio.org

Livros on-line
http://www.codeagro.sp.gov.br/cesans/publicacoes#banner-home

Favela Orgânica- Sua missão é modificar a relação do ser humano com os alimentos, conscientizando as pessoas sobre cada etapa do ciclo da alimentação: começando do planejamento das compras indo até o preparo e o descarte do alimento
http://favelaorganica.com.br/pt/

Vamos aproveitar cascas de alimentos – É nas cascas que estão vitaminas, fibras e ferro, necessários para o bom funcionamento do organismo

Mesa Brasil SESC– É uma rede nacional de bancos de alimentos contra a fome e o desperdício

Sabor sem desperdício – Por desconhecimento de suas propriedades nutricionais e possibilidades culinárias, partes importantes dos alimentos são desperdiçadas todos os dias. Cascas, talos, folhas e ramas podem dar origem a pratos saborosos, saudáveis e econômicos. Estudos comprovam que vários ingredientes apresentam mais nutrientes nos locais que descartamos do que nas próprias polpas

CSA – É um caminho que proporciona mais sustentabilidade – É um modelo de um trabalho conjunto entre produtores de alimentos orgânicos e consumidores.

Deixe uma resposta